maria carolina quadrada

Sou jornalista, máster em Democracia pela Universidad de Salamanca e curso mestrado em Ciência Política pela Universidade de Brasília.

Trabalho com redes sociais desde 2009.

Coordenei as redes sociais do Portal da Copa do Mundo Brasil 2014;
Coordenei a mobilização digital da campanha de Rodrigo Rollemberg para o Governo do Distrito Federal;
Fiz parte por dois anos da equipe de redes sociais do senador Romário;

Venho de uma família de costureiras e neste ano resolvi aliar a expertise como coordenadora de social media e a relação com a costura. Foi aí que eu, minha mãe e irmã criamos a "Minha Colombina", uma mini-cooperativa de costureiras com vendas pelas redes sociais em que o lucro é revertido totalmente pra elas.

Atualmente trabalho com projetos de inclusão produtiva para mulheres.

Minicurso
Inclusão produtiva e empoderamento feminino nas redes sociais: como ser donas do próprio negócio

 O objetivo do projeto no curso é ensinar mulheres a gerirem seus próprios negócios a partir da internet.
O negócio modelo do curso é a "Minha Colombina", uma mini-cooperativa de costureiras lançada neste ano com vendas pelas redes sociais em que o lucro é revertido totalmente para as mulheres que produzem.
A partir de ações no Facebook, Instagram e Whatsapp, a marca trabalhou no período do carnaval a partir de encomendas e vendeu mais de 200 peças. Cada costureira teve um lucro de R$ 4 mil e a artesã, R$ 2 mil. O projeto quer ampliar o negócio para uma confecção que trabalha com chitas e um mini-buffet de festas de piquenique.
O curso de duas horas disserta sobre:
Confecção da marca
Entender o público
Técnica de foto e imagem
Técnica de propaganda via redes sociais (intagram, facebook e whatsapp)
Serviço de resposta de mensagens
Como lidar com o faturamento